Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/267791
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Modelo para análise da sustentabilidade empresarial com base em MORPH
Title Alternative: Model for analysis of corporate sustainability based on MORPH
Author: Tomé, Ivan Maia, 1986-
Advisor: Zambon, Antonio Carlos, 1965-
Abstract: Resumo: O presente trabalho trata da aplicação de ferramentas de gestão do conhecimento para a adição de valor para os clientes e para os acionistas, por meio de uma pesquisa descritiva. Para isso, foi necessário identificar um grupo de empresas que divulgam objetivos semelhantes com relação a um determinado contexto, que é o caso do Programa Em Boa Companhia (PEBC) da BM&F BOVESPA (2011). No caso, o PEBC reúne empresas que buscam o desenvolvimento sustentável e outros elementos em suas atividades, sendo possível explicitar um modelo de referência próprio do PEBC. Para a extração das variáveis necessárias, a explicitação dos modelos e a comparação entre eles, foram utilizadas as metodologias que compõem o MORPH, que é o Modelo Orientado à Representação do Pensamento Humano. Assim, foi feita a comparação entre o modelo de referência e o que é divulgado pelos sites de empresas de sete setores diferentes, que compõem a lista do PEBC e que são as chamadas empresas SRI, que contém Investimentos Socialmente Responsáveis. Ao analisar a aderência entre os modelos do PEBC e das empresas procurou-se investigar se os modelos aderentes, de fato, adicionam valor para os clientes e para os acionistas. Dentre os resultados obtidos, o setor de Telefonia foi o que mais se sobressaiu em relação aos demais, porque contém a empresa com o modelo mais similar ao modelo do PEBC, a empresa Tim, e, juntamente à empresa Vivo, são capazes de adicionar valor tanto aos clientes como aos acionistas, de forma satisfatória. Dentre as conclusões deste trabalho, verificou-se que as ações de responsabilidade ambiental e social das empresas pesquisadas apresentam a adição de valor para os clientes e para os acionistas de forma desigual. Existem mais empresas que adicionam valor para o acionista e são proativas nas ações de responsabilidade socioambiental do que empresas que adicionam valor para o cliente e são proativas nessas ações. Com relação à aplicação dos instrumentos de gestão de conhecimento, que são evidentes quando conhecimentos são explicitados pelas empresas, foi possível comparar os diferentes conhecimentos das diferentes empresas por meio de algoritmos do software MORPH (2011), de forma a verificar a similaridade entre eles

Abstract: The present work treats the application of knowledge management tools to value addition to the clients and to the investors, through a descriptive research. For this, was necessary identify a group of companies that promote similar goals with respect to a particular thought, which is the case of In Good Company Program (PEBC) of BM&F BOVESPA. In case, the PEBC brings together companies that seek sustainable development and other elements in its activities, it is possible to explain by the own reference model of PEBC. For the extraction of the necessary variables, the explanation of the models and the comparison between them, was used the methodologies that compose the MORPH, which is the Model-Oriented for the Representation of Human Thought. Thus, the comparison was made between the reference model and what is promoted by the companies' sites of seven different sectors, which compose the list of the PEBC and companies that are called SRI, which contains Socially Responsible Investing. By analysis the adhesion between the PEBC model and companies' models, tried to investigate if the members, in fact, add value to the customers and to the investors. Among the results obtained, the Telephony sector was what stood out more than the others, because it contains the company with the most similar model to the model of the PEBC, Tim company, and jointly to the Vivo company, are able to add value to both customers and investors, satisfactorily. Among the conclusions of this work, it was found that the actions of environmental and social responsibility of companies surveyed present the added value for customers and investors unevenly. There are more companies that add value to the investor and are proactive environmental responsibility in the actions than companies that add value to the customer and are proactive in these actions. Regarding to the application of knowledge management tools, which are evident when knowledge is made explicit by the companies, it was possible to compare the different knowledges from different companies over the algorithms of MORPH (2011) software, in order to verify the similarity between them
Subject: Dinâmica de sistemas
Gestão do conhecimento
Governança corporativa
Sustentabilidade
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: TOMÉ, Ivan Maia. Modelo para análise da sustentabilidade empresarial com base em MORPH. 2012. 138 p. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Tecnologia, Limeira, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/267791>. Acesso em: 19 ago. 2018.
Date Issue: 2012
Appears in Collections:FT - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Tome_IvanMaia_M.pdf3.98 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.