Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/322197
Type: TESE DIGITAL
Title: Degradação de fenol em sistema combinado anaeróbio-aeróbio : avaliação da recirculação do efluente no desempenho e na toxicidade
Title Alternative: Phenol degradation in anaerobic-aerobic combined system : evaluation of effluent recirculation in performance and toxicity
Author: Paltronieri, Cláudia Natale, 1989-
Advisor: Nour, Edson Aparecido Abdul, 1961-
Abstract: Resumo: O fenol é um composto tóxico amplamente utilizado na indústria, e pode estar presente em esgotos municipais pelo lançamento inadequado na rede coletora. Devido a esta preocupação, o presente estudo foi dividido em três etapas diferenciadas pela concentração teórica de fenol aplicada, e visou a degradação de elevadas concentrações utilizando esgoto sanitário como co-substrato, em sistema combinado compacto anaeróbio-aeróbio, constituído de filtro anaeróbio (FA) seguido de biofiltro aerado submerso (BAS) e decantador secundário (DS). A Etapa A, com duração de 100 dias, operou somente com esgoto sanitário e obteve eficiência superior a 84% de remoção de DQO. Na Etapa B, operada por 140 dias, foram adicionadas concentrações de 50 a 600 mg.L-1 de fenol, concentração limite que inibiu a biomassa anaeróbia, obtendo eficiências de remoção de fenol efluente próximas a 100% e em torno de 91,6 de remoção de DQO, porém com a desestabilização do reator anaeróbio quanto as variáveis analisadas, foi iniciada a Etapa C, com a implementação da recirculação interna do efluente tratado, como solução para amenizar seus efeitos tóxicos sobre a biomassa anaeróbia e alcançar a reversão dessa inibição, aplicando concentrações de 600 a 1200 mg.L-1, alcançando remoção de 85±24% de fenol e 74% de DQO. A qualidade do efluente final para avaliação do impacto ambiental ocorreu por meio de testes de toxicidade. O esgoto bruto contendo fenol foi tóxico para Girardia tigrina e Daphnia similis, porém o efluente final tratado pelo sistema combinado não apresentou toxicidade aguda a nenhum dos organismos testados até a concentração de 400 mg.L-1 de fenol. A recirculação não foi capaz de minimizar os efeitos causados pelo composto tóxico e apresentou resultados de CL(50)/96h <40% e para Girardia tigrina e CE(50)/48h 48% para Daphnia similis na concentração teóricas de 800 mg.L-1 de fenol. Pelos resultados obtidos, a concepção do sistema utilizada neste estudo, foi considerada adequada à redução da toxicidade para as concentrações de fenol presentes até a concentração de 400 mg.L-1 de fenol, sendo que para concentrações superiores foi tóxica aos organismos-teste, sendo necessário um período maior de adaptação da biomassa a fim de possibilitar um desempenho melhor do sistema e reduzir a toxicidade do efluente tratado

Abstract: Phenol is a toxic compound widely used in industry, and may be present in municipal sewage by inadequate release into the collection network. Due to this concern, the present study was divided in three stages differentiated by the theoretical concentration of phenol applied, and aimed at the degradation of high concentrations using sanitary sewage as a co-substrate, in an anaerobic-aerobic compact combined system consisting of anaerobic filter (FA) followed by submerged aerated biofilter (BAS) and secondary decanter (SD). Stage A, with duration of 100 days, operated only with sanitary sewage and obtained efficiency superior to 84% of COD removal. Stage B, operated for 140 days, in concentrations of 50 to 600 mg.L-1 of phenol, limiting concentration that inhibited the anaerobic biomass, were added, obtaining phenol removal efficiencies close to 100% and 91,6% of COD removal, but with the destabilization of the anaerobic reactor, it was necessary to initiate Stage C, with the implementation of the internal recirculation of the treated effluent, as a solution to soften its toxic effects on the anaerobic biomass and achieve the reversal of this inhibition, applying concentrations from 600 to 1200 mg.L-1, with removal of 85 ± 24% of phenol and 74% of COD. The quality of the final effluent for environmental impact was assessed by means of toxicity tests. The sewage containing phenol was toxic to Girardia tigrina and Daphnia similis, but the final effluent treated by the combined system showed no acute toxicity to any of the organisms tested up to the concentration of 400 mg.L-1 phenol. The recirculation was not able to minimize the effects caused by the toxic compound and presented results of LC(50)/96h <40% and for Girardia tigrina and EC (50)/48h 48% for Daphnia similis at theoretical concentrations of 800 mg.L-1 of phenol. Based on the results obtained, the design of the system used in this study was considered adequate to the reduction of toxicity to the phenol concentrations present up to the concentration of 400 mg.L-1 of phenol. At higher concentrations, it was toxic to test organisms, requiring a longer monitoring period to ensure the adaptation of the biomass in order to reduce the toxicity of the effluent
Subject: Toxicidade
Fenois - Toxicologia
Tratamento biológico
Tratamento anaeróbio
Tratamento de efluentes
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2017
Appears in Collections:FEC - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Paltronieri_ClaudiaNatale_M.pdf2.49 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.