Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/345628
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Efeito das espécies de árvores do dossel na dinâmica de populações de regenerantes
Title Alternative: Effect of canopy tree species on the dynamics of tree seedlings populations
Author: Cornia, Maria Gabriela Kiss, 1992-
Advisor: Rodrigues, Ricardo Ribeiro
Abstract: Resumo: Em comunidades florestais, as árvores do dossel modificam as condições ambientais e a disponibilidade de recursos abaixo de suas copas, que podem afetar a presença, abundância e desenvolvimento das espécies de plantas no sub-bosque (efeito filtro). Os possíveis processos envolvidos nesse efeito e suas consequências na estrutura e diversidade da comunidade regenerante em florestas ainda precisam ser investigados. Embora o efeito filtro possivelmente envolva muitos processos, a deposição de serapilheira tem sido apontada como um importante processo desse efeito. Os objetivos são investigar como as árvores do dossel afetam a dinâmica de populações regenerantes sob suas copas e verificar se a queda de serapilheira se relaciona a esse efeito. Em uma floresta tropical em Campinas, SP, Brasil, selecionei 25 indivíduos de cinco espécies arbóreas de dossel (cinco indivíduos de cada espécie), "Aspidosperma polyneuron" Müll.Arg, "Astronium graveolens" Jacq, "Croton piptocalyx" Müll.Arg, "Diatenopteryx sorbifolia" Radlk. e "Pachystroma longifolium" (Nees) I.M.John. Abaixo da copa de cada indivíduo, introduzi quatro parcelas que em conjunto continham 24 mudas de "Gallesia integrifolia" (Spreng.) Harms, quatro de Ceiba speciosa (A.St.-Hil.) Ravenna, 16 de "Hymenaea courbaril" L. e 16 de "Piptadenia gonoacantha" (Mart.) JFMacbr. Após um ano, contei o número de mudas mortas e medi a variação em altura dos sobreviventes. Ao lado de cada parcela, instalei coletores de serapilheira, cujo conteúdo coletei ao longo do mesmo ano. Esperava que a variação de altura e número de mortas, após um ano, para cada espécie de muda fosse diferente sob cada espécie de dossel, o que caracterizaria o efeito filtro. Além disso, esperava que a variação de altura e o número de mortas fosse relacionado a massa de queda de serapilheira abaixo da respectiva espécie de dossel. Avaliei o efeito filtro sobre as mudas e um possível papel da serapilheira nesse efeito pela construção de modelos lineares mistos e generalizados da mortalidade e crescimento de cada espécie de muda plantada sob copas de diferentes espécies de dossel. A mortalidade das mudas de "C. speciosa" apresentou efeito das espécies de dossel em interação com a massa de queda de serapilheira abaixo dessas espécies. "H. courbaril" apresentou diferenças de crescimento e mortalidade sob as diferentes espécies de dossel, e a massa de serapilheira apresentou relação com o crescimento. "G. integrifolia" teve diferença de mortalidade associada a massa de serapilheira somente, independentemente da espécie de dossel. Já o crescimento de "P. gonoacantha" apresentou influência das espécies de dossel. Esses resultados mostram que a maneira como a dinâmica das populações regenerantes responde ao efeito filtro das espécies do dossel varia em algum grau entre regenerantes das diferentes espécies. Possivelmente, o tipo de resposta ao efeito filtro depende das diferentes características que se relacionam às diferentes estratégias de crescimento e sobrevivência das populações regenerantes. Concluímos que o dossel das florestas, pela atuação do efeito filtro, pode ser um fator chave para determinar a dinâmica da regeneração e assim, determinar, em certo grau, a estrutura e composição do dossel futuro das florestas

Abstract: In forest communities, canopy trees modify environmental conditions and the availability of resources below their crowns, which can affect the presence, abundance and development of plant species in the understory (filter effect). The possible processes involved in this effect and its consequences on the structure and diversity of the forest regenerating community have yet to be investigated. Although the filter effect possibly involves many processes, litter deposition has been identified as an important process of this effect. The objectives are to investigate how canopy trees affect the dynamics of regenerating populations under their crowns and to see if the fall of litter is related to this effect. In a tropical forest in Campinas, SP, Brazil, I selected 25 individuals from five canopy tree species (five individuals of each species), Aspidosperma polyneuron Müll.Arg, "Astronium graveolens" Jacq, "Croton piptocalyx" Müll.Arg, "Diatenopteryx sorbifolia" Radlk. and "Pachystroma longifolium" (Nees) I.M.John. Below the canopy of each individual, I introduced four plots that together contained 24 seedlings of "Gallesia integrifolia" (Spreng.) Harms, four from "Ceiba speciosa" (A.St.-Hil.) Ravenna, 16 from "Hymenaea courbaril" L. and 16 from "Piptadenia gonoacantha" (Mart.) JFMacbr. After 12 months, I counted the number of seedlings killed and measured the variation in height of the survivors. Next to each plot, I installed litter collectors, whose content I collected over the 12 months. I expected that the variation in height and number of dead, after 12 months, for each species of seedling would be different under each species of canopy, which would characterize the filter effect. In addition, I expected the height variation and the number of dead to be related to the litter fall mass below the respective canopy species. I evaluated the filter effect on the seedlings and a possible role of litter in this effect by building mixed and generalized linear models of mortality and growth of each species of seedling planted under canopy of different species of canopy. The mortality of C. speciosa seedlings had an effect of the canopy species in interaction with the litter fall mass below these species. H. courbaril showed differences in growth and mortality under the different canopy species, and the litter mass was related to growth. G. integrifolia had a difference in mortality associated with litter mass only, regardless of the canopy species. The growth of P. gonoacantha was influenced by the canopy species. These results show that the way in which the dynamics of regenerating populations responds to the filter effect of canopy species varies to some degree among regenerants of different species. Possibly, the type of response to the filter effect depends on the different characteristics that are related to the different growth and survival strategies of regenerating populations. We conclude that the canopy of forests, by means of the filter effect, can be a key factor to determine the dynamics of regeneration and thus determine, to some degree, the structure and composition of the future canopy of forests
Subject: Florestas
Plantas de sub-bosque
Dossel florestal
Biodiversidade
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: CORNIA, Maria Gabriela Kiss. Efeito das espécies de árvores do dossel na dinâmica de populações de regenerantes. 2020. 1 recurso online (109 p.) Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia, Campinas, SP.
Date Issue: 2020
Appears in Collections:IB - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Cornia_MariaGabrielaKiss_M.pdf2.09 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.