Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/346464
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: Índice Fuzzy de Vulnerabilidade Hídrica : uma análise dos municípios brasileiros
Title Alternative: Water Vulnerability Fuzzy Index : an analysis of Brazil's Municipalities
Author: Faustino, Naomi Generoso, 1995-
Advisor: Ballini, Rosangela, 1969-
Abstract: Resumo: Vulnerabilidade é o grau em que um determinado sistema, ou parte dele, pode reagir negativamente durante a ocorrência de um evento perigoso. Dentre os eventos perigosos, pode-se citar a falta de água, que enquadra-se como vulnerabilidade hídrica, também conhecida como pobreza de água. A pobreza de água é um processo socialmente construído e reproduzido por meio de múltiplos processos sócio-políticos de exclusão e discriminação, abrangendo desde o nível macro até o microcosmos dos domicílios. Na literatura, vulnerabilidade é mensurada como um indicador de risco. No caso da vulnerabilidade hídrica, essa mensuração é feita por índice de pobreza de água (IPA). O IPA tradicional utiliza informações como quantidade de água ofertada, acesso ao saneamento básico e tempo dispendido para obtenção de fonte hídrica. Dada a natureza dessas variáveis para aferir a vulnerabilidade hídrica de uma determinada região, incertezas e imprecisão estão presentes. Neste contexto, o presente trabalho objetivou propor um índice de pobreza de água a partir da lógica fuzzy, abordagem apropriada para modelar incertezas e imprecisões. O índice fuzzy de pobreza de água (IFPA) proposto é contruído a partir de um sistema de inferência fuzzy. Essa abordagem foi aplicada nos 5.565 municípios brasileiros. Analisou-se o acesso a fontes hídricas e o atendimento de saneamento básico (água e esgotamento sanitário), tendo como fonte de dados o Censo 2010 e o Sistema Nacional de Informações de Saneamento. Resultados apontam que os municípios brasileiros conseguiram democratizar o acesso à água. Em contra partida, o esgotamento sanitário não acompanhou esse processo. Essa combinação distinta leva à ideia de que o Brasil não apresenta um quadro de vulnerabilidade hídrica; contudo, a falta de esgotamento sanitário escancara a vulnerabilidade do país. A falta de infraestrutura não está atrelada ao tamanho populacional, ou renda dos municípios, mas há uma questão de política pública e social

Abstract: Vulnerability is the degree to which a given system, or part of it, can react negatively during the occurrence of a dangerous event. Among several kinds of dangerous events, we can mention the lack of water, which is classified as water vulnerability, also known as water poverty. Water poverty is a socially constructed and reproduced process through multiple socio-political procedure of exclusion and discrimination, ranging from macro to microcosm of households. In the literature, vulnerability is measured by a risk indicator. In the water vulnerability case, this measurement is made by a water poverty index (WPI). The traditional WPI uses information such as the amount of water offered, access to basic sanitation and time spent to obtain a water source. Due to the nature of these variables to measure water vulnerability of a given region, uncertainties and imprecision are present. In this context, the present work aimed to propose a water poverty index based on fuzzy logic, an appropriate approach to model uncertainties and inaccuracies. The proposed water poverty fuzzy index (WPFI) was built with fuzzy inference systems. This approach was applied to 5,565 Brazilian municipalities. Access to water sources and basic sanitation services (water and sewage) were analyzed, using the 2010 Census and the National Sanitation Information System as data source. Results show Brazilian municipalities have managed to democratize access to water. On the other hand, sanitation did not follow the same path. This distinct combination leads to an idea of Brazil being not a water vulnerabil country; however, the lack of sewerage shows the country¿s vulnerability. The lack of infrastructure is not linked to the population size or income of the municipalities, instead it is a question of public and social policy
Subject: Vulnerabilidade hídrica
Lógica fuzzy
Índice de Pobreza de Água
Indicadores sociais
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: FAUSTINO, Naomi Generoso. Índice Fuzzy de Vulnerabilidade Hídrica: uma análise dos municípios brasileiros. 2020. 1 recurso online (106 p.) Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Economia, Campinas, SP.
Date Issue: 2020
Appears in Collections:IE - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Faustino_NaomiGeneroso_M.pdf7.15 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.